Embalar corretamente!

2020/04/28

Agora já pode embalar!

De certeza que conhece esta situação! O correio chegou e a embalagem está amolgada, rasgada e deformada. “Espero que o conteúdo ainda esteja intacto”. A culpa não é necessariamente da empresa de distribuição. Muitas vezes uma embalagem errada é suficiente. Caixas de cartão muito finas ou grandes demais, material de amortecimento insuficiente e demasiado espaço livre dentro da embalagem.

De certeza que sabe que o material de embalamento é determinante e como evitar o cenário descrito em cima. No entanto, gostaríamos de lhe mostrar em seis passos importantes como os seus pacotes podem ser perfeitamente embalados.

Pesar e embalar – caixas de cartão adequadas

Antes de mais é fundamental pesar a sua mercadoria. Isto poupa despesas de envio e custos adicionais, porque a qualidade da caixa de cartão pode ser inferior se o conteúdo for leve. O mesmo se aplica a tudo o que não seja frágil. Artigos pesados e frágeis necessitam de embalagens de cartão particularmente resistentes em várias camadas, cujo peso pode então desempenhar um papel fundamental nos portes de envio.

Com a balança compacta, balança de mesa, balança ou balança de plataforma pode pesar mercadoria grande e pequena, pesada e leve até ao miligrama.

Quer sejam caixas de cartão dobrável ou caixas de cartão para mudanças, quer bolsas de envio ou etiquetas para caixas, a seleção existente na sua mesa de embalagem deve ser suficientemente grande para embalar os mais variados objetos.

2. Apoiar e proteger – acolchoamento correto

Quantos objetos devem ser colocados na embalagem e qual a sua fragilidade? A resposta determina o tipo e a quantidade do seu material de proteção. Os objetos quebráveis devem ser bem protegidos: com película acolchoada a ar e película de espuma, mas também com papelão ondulado enrolado e papel de embalagem. Nada pode escorregar para que nem a face da caixa de cartão nem o restante material de envio seja danificado. As redes de proteção da superfície evitam riscos e amolgadelas indesejados.

3. Embalar e empacotar – para dentro do saco

Coloca documentos ou objetos sensíveis dentro de uma embalagem? Os sacos de película acolchoada a ar e os sacos com fecho de pressão protegem este tipo de objetos. As peças pequenas não se perdem dentro de sacos lisos e os documentos escritos não ficam dobrados. Para os documentos de expedição disponibilizamos adicionalmente bolsas de documentos.

4. Fechar e colar – feche a tampa e cole a embalagem

Toda a embalagem é fechada com a fita adesiva adequada do desenrolador, com cola húmida ou com um agrafador. Para mercadorias sensíveis, recomendamos a colocação de fitas de advertência e etiquetas.

5. Esticar e retrair – estabilidade é tudo

Para garantir que nada escorrega quando existem várias embalagens na palete, tudo é embrulhado com filme estirável utilizando uma máquina ou um desenrolador manual. A película retrátil ajuda no transporte de mercadorias grandes sem caixa de cartão, envolvendo e protegendo as mercadorias na palete. Os cantos de proteção e as proteções dos cantos proporcionam segurança adicional.

6. Cintar e carregar – tudo gira à volta da cintagem

Através da cintagem, a distribuição do peso pode ser mais equilibrada durante o carregamento. Os danos de transporte são assim menos prováveis, independentemente das vibrações e das sacudidelas no camião ou contentor. Dependendo do peso, tamanho, tipo e local de armazenamento da mercadoria, existem diferentes cintas, bem como os respetivos aparelhos tensores e de fecho. A gama de produtos abrange desde fitas de PP e PET, passando por fitas têxteis, de tecido e compostas, até às fitas de poliéster e aço.

Não disponibilizamos apenas todos os tipos de fitas, como também os aparelhos tensores e de fecho adequados. Temos todo o gosto em disponibilizá-los em kit.

Embalamento profissional mg$

Contacte-nos

Estamos gratuitamente à sua disposição para responder a mais perguntas.